Por que ser uma ASSOCIADA?

Mulheres que defendem mulheres

No direito e na vida

Associando-se ao Direito Dela você fará parte da maior rede de advogadas do Brasil.

Aqui colocamos a sororidade em prática! Nossa plataforma visa impulsionar a advocacia feminina.

Associando-se você poderá ser encontrada por clientes na busca do nosso site, e também, em nossa área interna, conectar-se a outras advogadas, oferecer e buscar serviços jurídicos, compartilhar artigos, jurisprudências e ter acesso aos materiais compartilhados. Você também poderá submeter seus textos ao nosso blog, para assim informar outras mulheres sobre seus direitos.

Nós mulheres somos constantemente subjugadas e invisibilizadas em ambientes corporativos, em lugares de destaque e de poder. Foi com o objetivo de mudar essa situação que idealizamos este projeto que é uma ferramenta na luta pela equidade de gênero.

Queremos chegar ao topo, e levar vocês conosco! #vamosjuntas

Direito Dela

Por que homens não podem se cadastrar?

Precisamos deles na luta, mas o mercado de trabalho dá mais visibilidade e oportunidade para eles do que para nós. Assim, o site do Direito Dela é uma ferramenta de equidade para tentar equilibrar essa balança e evidenciar o trabalho das mulheres advogadas.

Vantagens em ser uma associada
R$ 35.97 por mês você terá:
Visibilidade
Visibilidade

Clientes te encontrarão com um click

Networking
Networking

Possibilidade de fazer contatos, buscar e oferecer serviços para advogadas de todo o Brasil

Conteúdos exclusivos
Conteúdos exclusivos

Disponibilizados pelo Direito Dela e pelas advogadas associada

Ajudar instituições que ajudam mulheres
Ajudar instituições que ajudam mulheres

Parte do valor mensal que você paga à plataforma será destinado a instituições que auxiliam mulheres em situação de vulnerabilidade

Clube de Descontos
Clube de Descontos

Descontos em empresas de outras Mulheres - Mulheres consumindo de outras mulheres

Melhores amigos
Melhores amigos

Acesso ao conteúdo produzido nos Melhores Amigos do instagram @direito.dela

Depoimentos

Ticiana Didres

Enxergo no Direito Dela o propósito de conscientizar e unir mulheres, de forma didática, empática e sem qualquer tipo de discriminação; é a sororidade na prática! São mulheres cuidando de mulheres, como deve ser!
Acredito que a página nos faz mais autoconfiantes, fortes e unidas. E unidas podemos tudo!

Amanda Dias

Eu me inspiro em mulheres próximas , tangíveis , que conheço a história e também os desafios, por isto acredito no Direito Dela , este projeto incrível nasceu com o intuito de apoiar outras mulheres e tem cumprido este propósito. O compartilhando está em seu DNA, criado por mulheres focadas em não somente conquistar seu espaço mas também em apoiar outras mulheres neste caminho.

Raíssa Vasconcelos

Em uma sociedade que acumula violências, é essencial que nos conectemos com pessoas com o mesmo próposito que o nosso. Passamos do tempo em que advogar significa apenas entrar com uma ação, perseguir uma sentença procedente. É preciso lutar a luta do outro, sentir a dor do outro, acolher e ser acolhido. O Direito Dela já faz isso por nós, com conteúdos que nos representam, nos tiram da zona de conforto e nos motiva. Agora é a hora de um novo passo – gerar conexão para a solução de problemas entre advogadas que sentem e pessoas que precisam voltar a sentir. O Direito Dela tem toda a minha confiança! Vamos juntas!

Cleidy Carolina Santos

Vejo o Direito Dela como um lugar de falas femininas em toda sua complexidade. Temos mulheres defendendo, acolhendo, enaltecendo, e sendo parceiras de outras mulheres.
Isso se realiza de forma jurídica, social, moral e simplesmente humana.
É uma página usual, funcional e totalmente necessária.

Priscila Dias

Um canal criado por mulheres que conecta mulheres a advogadas feministas – que instrumento poderoso! Por mais empatia que um homem tenha, nós mulheres sabemos e sentimos, porque vivemos “na pele”, as dores causadas pelo machismo, pelas violências de gênero, pela misoginia. A defesa de uma mulher por uma advogada feminista trará benefícios muito além da técnica jurídica! Avante, às conquistas dos Direito(s) Dela(s)!